6 Feliz por ser sua...

Nosso grande "dia"!  
                                                                                                  
      
    Estive refletindo sobre meu casamento. Sou muito romântica e carinhosa, meu marido costuma dizer que romantizo tudo na minha vida, tenho que admitir, este cidadão me conhece muito bem...rs. São nove anos de união e já passamos muitas coisas juntos, interferências positivas e negativas de parentes, as divergências comuns  nos relacionamentos muitas vezes motivadas por questionamentos na educação dos filhos, entre tantas outras coisitas.
      Sei que a palavra sensibilidade é coisa difícil de achar no vocabulário de um homem, e meu marido, este anda com os pés firme no chão, realista e sempre preocupado, é um pai em busca do melhor para sua família, já a Andréia é sensível demais, tem de ter trilha sonora pra cada momento importante, vive a flutuar e sonhar... Pensa até em renovar os votos...kkk 
     Depois  de tanto tempo de casada aprendi a conviver com a ausência das demonstrações públicas de carinho, do beijo quando sai para o trabalho e as tão sonhadas declarações de amor... Mas o importante é que eu sei dos sentimentos dele por mim. Esta é a sua forma de amar, a dedicação para com a família, de estar sempre fazendo coisas juntos, desde o mercado até o bate papo gostoso na sala, de curtir um cineminha, uma festinha, de planejar o futuro dos filhos enfim,  de estarmos verdadeiramente unidos, sem contar o fato de me sentir desejada, de como é bom quando fazemos amor, o quanto eu o sinto entregue e completo para mim. Aprendi que a atitude e o olhar podem nos dizer mais do que palavras, só precisamos estar sensíveis a elas.
      Deus nos concedeu a capacidade de amar e é maravilhoso quando entendemos e compartilhamos deste nobre sentimento. Gostaria  de agradecer por todos os momentos maravilhosos que tenho tido em minha vida. Por todos os momentos felizes e porque não os tristes? Muitas coisas aprendi com eles, muitos valores guardei e muitas vitórias conquistei. O que seriam de nossos momentos felizes se não existissem os tristes? Eles simplesmente não teriam significado algum. Seria como o sol sem chuva, dia sem noite, calor sem frio. Alegria sem dor? Uma jamais teria sentido sem a outra. Os momentos de dor servem para reconhecermos nossos momentos alegres, nossas vitórias e conquistas e principalmente para agradecermos a Deus por eles. E hoje agradeço a Deus, o meu maior momento de alegria e minha grande conquista que foi conhecer você. Ao seu lado aprendi a amar e a sentir-me amada, aprendi a perdoar e principalmente que não devemos ter medo de lutar para ser feliz, devemos vencer nossos obstáculos, pois Deus estará sempre do nosso lado.

 Ao meu marido Gilberto,
com carinho de sua eterna romântica...♥


Andréia Azeredo


6 comentários:

Marta Allegretti disse...

Que declaração de Amor mais linda! É tão bom e lindo ver um amor grande e verdadeiro, e os lindos frutos que esse amor proporciona ao mundo(filhos), adorei o post, parabéns! Faz com que a gente reflita a fundo sobre o verdadeiro amor, e sobre como devemos deixar de lado algumas picuinhas bobas que deixamos nos afetar as vezes e que fazem tão mal aos relacionamentos amorosos...Os homens nem sempre demosntram da mesma maneira que nós mulheres, mas não quer dizer que o amor é menor por isso! Beijos e boa sorte no novo Blog, adorei!
Marta.

Danny Telles disse...

Tô adorando o blog!! Parabéns bjs

Dani disse...

Oi querida,acabo de conhecer seu blog atravéz da Marta.
Adorei viu!?
Será um prazer aprender essas dicas!!
Parabéns pelo blog!
Continue nos previlegiando com suas dicas!
Beijos!

Chá de Lingerie ..♥Andréia Azeredo♥.. disse...

:n

Marta Allegretti disse...

Lindona! Venha conhecer meu Blog pessoal! Ficarei feliz! Bjos

Viajens disse...

J'adore l'amour :h

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...